26 de setembro de 2008

Quero ser jardineira para sempre

"Cada pessoa, durante a sua existência, pode ter duas atitudes: Construir ou Plantar.
Os contrutores podem demorar anos nas suas tarefas, mas um dia terminam aquilo que andaram a fazer. Então param, e ficam limitados pelas suas próprias paredes. A vida perde o sentido quando a contrução acaba. Mas existem os que plantam. Estes, às vezes, sofrem com as tempestades, as estações, e raramente descansam.
Mas, ao contrário de um edificio, o jardim nunca pára de crescer. E, ao mesmo tempo que exige a atenção do jardineiro, também permite que, para ele, a vida seja uma grande aventura."
Paulo Coelho

20 comentários:

Cátia disse...

Querida Amiga,

A maioria das pessoas passam a vida a constuir, construir a sua carreira, a sua fortuna, etc. Mas a verdade é que depois param e veem que estão apenas rodeados de 4 paredes e que nada lhes servirá tal construção.

Sê jardineira sim. Aventura-te na plantação... Vais ver que dará muitos frutos.

Espero poder partilhar o teu jardim.
Beijinho mt grande

Cristina Arriaga disse...

Amiga,
Justamente por ver tantos enjaulados entre quatro paredes ao meu redor (ao redor de todos nós), que, vada vez mais, me preocupo em plantar, plantar e, atentamente, ver a maravilha do florescer!
Não esperes partilhar o meu jardim: já fazes parte dele!!!
Beijinho grande
CA

Carecaloira disse...

Passei só para desejar bom fim-de-semana.

E deixar uma beijoca grande
Marina

Lia disse...

Lindo!!!
"Ver a maravilha de florescer".
Espero que, sejas sempre uma grande jardineira!;0)
Passei para deixar beijinhos e bfs.
Beijinho cheio de luz.

Cristina Arriaga disse...

Marina,
Uma beijinho grande e votos de que a tua caminhada corra da melhor forma possível.
CA

Cristina Arriaga disse...

Lia,
Assim espero, também. Neste nosso mundo, nestes nossos tempos não é das coisas mais fáceis de se conseguirem, mas com luta e perseverança conseguimos! Todos nós podemos tornar um pedacinho do mundo um pouco melhor; com muito esforço - verdade!, mas acredito que vale sempre a pena tentar.
Beijinho
CA

Brancamar disse...

Olá Cris,

Bem hajas por plantares!
Este é um belo texto! Sem dúvida que apesar de todas as intempéries e cansaços é sempre uma bela aventura ver florescer o que semeamos.
Um beijinho grande para ti e tem um Bom Domingo.
Branca

Linda disse...

Olá Cristina!!!
Feliz de quem consegue plantar durante toda a sua vida, pois vai colhendo sempre!!!
Que sejas sempre uma boa jardineira...

Beijinhos
Linda

Cristina Arriaga disse...

Olá Branca!
Obrigada pelas suas palavras.
Sei que também dedica uma grande parte de si à "jardinagem".
Um grande bem haja para si, também.
Beijinho
CA

Cristina Arriaga disse...

Linda,
Espero conseguir continuar, sempre, a ver as minhas sementinhas a florescerem.
Beijinho
CA

Cátia disse...

Consegues ser essa jardineira sim, eu sei-o... Obrigada por me incluires no teu jardim.
Beijinhos

Carecaloira disse...

Gostava de te ter conhecido no Sábado mas... fica para uma próxima, quando tu quiseres.

Boa semana
Beijoca grande
Marina

Lisa disse...

Lindas estas palavras. Gosto muito de ler o Paulo Coelho.

Concordo contigo. Vamos plantar, tratar com carinho, para colher sempre "bons frutos".
Quanto às tempestades, a vida sem um pouco de contrariedades não tem sabor. Temos é que aprender a ultrapassar esses momentos, para logo a seguir gozar a bonança.

Beijinhos e boa semana pa ti amiga.

Lisa

Cristina Arriaga disse...

Cátia,
Vou esforçar-me sempre.
É com grande honra que posso incluir-te no meu jardim, tu sabes.
Beijinho
CA

Cristina Arriaga disse...

Marina,
Apesar de ser uma pessoa bem disposta, extrovertida, ...., por vezes coloco estes "mas" e fico um bocadito timida.
Falei com Lisa sobre a possibilidade de nos encontrarmos (creio que te falou sobre o assunto), mas depois fiquei por só po isso mesmo... (às vezes sou uma palerma!!!) Mas vai acontecer... vamos combinar.
Beijinho grande
CA

Cristina Arriaga disse...

Querida Lisa,
Sabes que, por vezes, dou comigo a pensar se não são algumas das contrariedades que encontramos pela vida fora que acabam por nos tornar pessoas com mais talento para a "jardinagem"??!! Certo é que este pensamento daria já para criar uma grande discussão de ideias: há pessoas que ficam ainda mais más pessoas; outras há que já nasceram maravilhosas por si só........
Mas é verdade: as contrariedades fazem-me acreditar que a cada pôr do sol houve um encerramento e ao nascer do sol ocorrerá mais um nascimento...
Beijo grande
CA

Delfim peixoto disse...

Um autor de que não desgosto... mas gostei do seu blog

Lia disse...

Olá Cris,
passei...aproveito para deixar beijinhos cheios de luz;0)
Ah...gostei dos poemas(que chamas de rabiscos) escritos por ti amiga...tem alma;0)
Bjinho

Cristina Arriaga disse...

Olá Delfim,
O meu blog é muito modesto!!!!
Volte sempre. Quem sabe se um dia destes até aparece por aqui um excerto de algum autor seu preferido????!!!!....
Obrigada pela sua visita
Bj
CA

Cristina Arriaga disse...

Lia,
São mesmo SÓ rabiscos!!!!!!
Aqueles momentos de parca inspiração dos quais resulta qualquer coisita....
Beijinho grande
CA