11 de setembro de 2008

Amigo

Passo, agora, as palavras maravilhosas que me foram oferecidas por alguém ainda mais maravilhoso... Não são as palavras que são maravilhosas: o seu reflexo - esse sim! Ainda mais quando reflectidas por alguém que, num momento inesperado e de forma incrivelmente marcante, entra na minha vida... Alguém para quem ainda não encontrei as palavras exactas para definir... Não é verdade! Este alguém definiu-se (sem saber)com estas palavras:

"Um Amigo é um cúmplice no olhar, que te reconhece nos olhos os sentimentos, as alegrias e as preocupações. Amigo é quem te seca as lágrimas e quem alimenta o teu sorriso.

Amigo é um irmão que te acompanha pela vida, aplaude da primeira fila em tempos de vitórias e ajuda a levantar sempre que caímos, não importa quantas vezes serão.

Amigo é alguém com quem te ris, brincas, falas, mas com quem também choras e contas o que tens medo de dizer em voz alta. Amigo é o que te escuta com atenção como se não existisse mundo lá fora.

Um Amigo aconselha e diz que "não" quando assim tem que ser, mas que está ao nosso lado quando tomamos uma decisão, mesmo que não seja acertada.

Amigo é aquele que dá sem esperar contrapartida, porque sabe que a partilha é o retorno.

Amigo é aquele que o tempo não apaga, que a distância não esquece e que a maldade não destrói.

Amigo é ternura, carinho, respeito, uma festa na cara e um beijo na testa. Amigo é aquele que diz que és importante na sua vida, e te mostra o quão gosta de ti. Amigo é um tesouro único que nos reconhece num sorriso e que nos protege na profundidade de um abraço enquanto nos fala em silêncio.
Ticho"

19 comentários:

Mrs. Sea disse...

Muito bonito Cristina...
Amigos... amigos verdadeiros são difíceis de encontrar, mas só se mostram de verdade quando estamos mal... E é aí que eles ganham valor!
Espero que encontre muitos amigos mas com V de Verdadeiros pela vida fora!

Bjins

Cris disse...

Ora bem, quem encontro eu aqui? A minha amiga Cátia! Cristina, desculpe invadir o seu blog, mas este texto está fenomenal, como a fenomenal pessoa que é a Cátia! A sua introdução diz quase tudo. São palavras maravilhosas escritas por alguém maravilhoso. Mas penso que a Cristina já se deu conta que não são só palavras, são actos que a Cátia pratica. Um beijo grande à Cátia lindo texto que escreveu.
Beijinhos a também Cristina.

Cristina Arriaga disse...

Olá Vera (mrs sea)
Felizmente não me posso queixar da vida... (apesar de nos últimos tempos me pregar algumas partidas, conta o que está e fica no coração).
Desejo-lhe exactamente o mesmo, que sei que é o que, também, tem vindo a acontecer.
Beijinho
CA

Cristina Arriaga disse...

Cris,
Faça sua a minha casa! Amiga da minha amiga, minha amiga é!
De facto uma pessoa fantástica! E tal como refiro, é o reflexo das palavras deste post que a definem.
E o reflexo, é, justamente, um conjunto de actos!!!
Sorte a nossa em termos uma amiga como ela!!!!
Volte sempre, ok
Beijinho
CA

Cátia disse...

Oh querida amiga, fiquei sem palavras quando vi a introdução que fizeste aqui... Maravilhoso e algo transcendente, é algo perfeito, as pessoas têm defeitos, erram, falham, caem... Não são precisas palavras para definir um amigo, esse amigo sente-o e reconhece-te... Amigo não são palavras, mas gestos que reflectem sentimentos profundos... Em todo o caso, tentei transmitir tudo o que sinto e tudo o que conheço sobre ser Amigo e sobre a relação mais profunda e duradoura que existe entre duas pessoas: a Amizade.

Foi uma honra escrever para o teu texto, e uma honra ainda maior é chamares-me Amiga. E nunca te esqueças: "Os amigos são a família que escolhemos".

Beijinho mt grande desta que te diz que gosta muito de ti e que fazes a diferença.

Lisa disse...

Sem palavras.
Este post diz tudo.
Felizes aqueles que têm amigos como este.

Beijinhos

Lisa

Cristina Arriaga disse...

Vera,
desculpa ter-te tratado por "você".... às vezes o hábito...
Beijinho
CA

Cristina Arriaga disse...

Cátia,
O que posso escrever?..........
Que gosto muito de ti e que é uma grande honra ter recebido da vida este grande presente: uma amiga como tu!
Beijinho grande
CA

Cristina Arriaga disse...

Lisa,
Nem mais... Disseste tudo! E é possivel!! Por vezes basta estarmos um pouco mais atentos, um pouco menos concentrados nos nossos umbigos e descobrimos que a vida tem pessoas maravilhosas à nossa espera! (também te encontrei, não foi??!!)
Beijinho
CA

Cátia disse...

Coloquei tambem eu este texto no ticho. Mas... tomei a liberdade de colocar algo mais... Passa por lá. ;) Obrigada por tu.

Beijinho mt grande

OBSERVADOR disse...

A vida é muito bonita e tem seres humanos maravilhosos.
Não sejamos egoístas e optemos pelo dar e receber.
Assim mesmo, "tou court".

Bj

Sónia Pessoa disse...

Vou escrever aqui o que escrevi no cantinho da Cátia... são momentos destes que nos dão motivos para nunca desistir de viver... abraço forte

Cristina Arriaga disse...

Cátia,
Tomaste a liberdade e tomaste muito bem!!!!!:):):):)
Beijinhos amiga
CA

Cristina Arriaga disse...

Amigo Observador,
Tem mesmo!!!!
Acredito que é no dar e receber que encontramos a verdadeira AMIZADE (base de todos os sentimentos).
Beijo
CA

Cristina Arriaga disse...

Sónia,
Momentos, pessoas, sentimentos como estes dão-nos alegria, força...
Beijinho
CA

Querubim disse...

Boa noite Critina, vim pelo Blog da Careca-loira vi este endereço e vim cuscar espero que não se importe o Blog está lindo, parabéns!
Bom fim de semana!
Bjs


A Flor da Amizade

Era uma vez uma flor que nasceu no meio das pedras.
Ninguém sabe como, conseguiu crescer
e ser um sinal de vida no meio de
tanta tristeza.
Passou uma jovem e ficou admirada com a flor.
Logo pensou em Deus. Cortou a flor e a levou para a Igreja.
Mas após uma semana a flor tinha morrido.
Passou um homem, viu a flor pensou em Deus,
agradeceu e a deixou ali;
não quis cortá-la para não matá-la.
Mas dias depois veio uma tempestade e a flor morreu...
Passou uma criança
e achou que aquela flor era parecida com ela:
Bonita, mas sozinha. Decidiu voltar todos os dias.
Um dia regou, outro dia podou,
depois fez um canteiro, colocou adubo...
Um mês depois, lá onde tinha só pedras e uma flor,
havia um jardim!
Assim se cultiva uma amizade...
(Autoria Desconhecida)

Cristina Arriaga disse...

Olá Querubim,
É com muito gosto que lhe abro as portas da minha humilde casa; volte sempre que quiser.
Lindo o texto que me deixou.
Obrigada
Beijinho
CA

Cátia disse...

Voltei aqui. Este texto parece-me escrito há tanto tempo, e ainda não fez sequer um mes... E nós continuamos a cada dia a consolidar este sentimento de Amizade... Estou muito feliz por a nossa Amizade se ter transformado numa amizade tão assim, verdadeira!


Agradeço tambem a todos os outros amigos que passaram e comentaram por aqui.

Beijinhos

Cristina Arriaga disse...

Cátia,
Uma Amizade recente mas tão intensa que parece já ter anos de existência!!!
Continuo muito grata por ter encontrado alguém como tu: AMIGA DE VERDADE!!! Não é apenas uma palavra... é a prática verdadeira do que essa palavra significa.
Obrigada por seres quem és!!
Beijinho muito grande
CA